E-mail: blogdofoguinho@hotmail.com Fone: (098) 99147-3880

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Sábado será de muitas inaugurações em Mata Roma.



Por: Blog do Foguinho, 21 de agosto de 2013.

A Prefeita de Mata Roma, Carmem Neto ( PMDB), vai inaugurar neste sábado, 24, várias obras realizadas em sua nova gestão 


Carmem Neto vai realizar uma maratona de inaugurações em setores que vão beneficiar a Educação e a Saúde do povo de Matarromense.

As inaugurações vão ter início das 8:00h ás 17:00h nas seguintes obras.

1-Clínica da Família de Guadelupe

2-Academia de Saúde do Aeroporto

3-Quadra Poliesportiva “Maria Moreno”

4-Centro de Saúde “Antonio Roberto”no Bairro Açude.

5-Clínica da Família “João Juvêncio” na Vila Palmeira.

6-Academia de Saúde da “Vila Palmeira”

7-Clínica da Família “Marcelino Viana” no povoado Mata do Brigadeiro

8-Clínica da Família “Ana Lúcia” no povoado Cidade Nova.

A Prefeita vai estar acompanhada do Secretário de Saúde( Gustavo Corrêa) e da Secretária de Educação (Raimunda Henrrique).


Na ocasião estará prestigiando o evento, o ex-Deputado Estadual Paulo Neto, o empresário Araújo Diniz, o vereador Preto Diniz, o vereador Alfredo Marques, a vereadora Geisa Lobo e outras autoridades do município.

Estradas Fantasmas: réus vão para Pedrinhas em São Luis


“Quando sentenciei, parecia que eu havia tirado uma tonelada de cima de mim”.
Esta foi a definição dada pelo juiz Ronaldo Maciel (na foto ao lado), da 1ª Vara Criminal de São Luís, ao avaliar o que representou, na sua vida pessoal e profissional, a conclusão, no dia 13 de agosto de 2013, de um processo de 13 mil páginas conhecido nacionalmente como “Escândalo das Estradas Fantasmas”.

O juiz Ronaldo Maciel condenou, criminalmente, 13 pessoas envolvidas, conforme consta na sentença (leia aqui), em “um esquema milionário para desviar recursos públicos dos cofres do Estado do Maranhão, a fim de se locupletarem do erário”. Todos deverão cumprir pena no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em regime, inicialmente, semiaberto.

Ronaldo Maciel esclarece que a sensação ao encerrar os trabalhos e proferir a sentença no processo das “estradas fantasmas” não é a de satisfação por condenar pessoas, mas sim, a do dever cumprido.
- De forma equivocada, a sociedade acha que o juiz sente prazer em condenar alguém, isso não é verdade. O meu prazer ao concluir um processo é saber que dei o melhor de mim – afirmou.
O processo das “estradas fantasmas” chegou à 1ª Vara Criminal em agosto de 2009 e, desde então, o juiz Ronaldo Maciel debruçou-se em um árduo trabalho que envolveu a análise dos autos, audiências dos réus e oitiva de testemunhas. Foram horas e horas de estudo, segundo o magistrado, em uma rotina que se inicia às 8h e só se encerra à noite, de segunda a sexta.
Ronaldo Maciel também comparece ao seu gabinete no Fórum todos os sábados pela manhã. “Poucas pessoas sabem, mas vários juízes trabalham todos os sábados aqui no Fórum, e eu sou um deles”.
De acordo com Ronaldo Maciel, a sociedade cobra do magistrado e o acusa de morosidade, mas poucos sabem a realidade das condições de trabalho e da quantidade de processos em trâmite nas Varas judiciais. Na 1ª Vara Criminal de São Luís, por exemplo, tramitam hoje 175 processos, sendo que é a mais saneada dentre todas as criminais da capital. O resultado deste trabalho rendeu à unidade, em dois anos seguidos,  Gratificação por Produtividade Judiciária.
estrada
No caso específico do processo das estradas, Ronaldo Maciel considera que realmente o tempo entre a data da distribuição até a sentença foi longo, mas não foi por leniência do magistrado, mas sim pela complexidade do caso e do número de acusados, ao todo 20.

- Existem acusados que são de outros estados, foram procurados e nunca localizados, quatro estão nessa situação, isso sem falar em vários advogados, também de outros estados, várias testemunhas arroladas. Tudo isso dificultou o andamento do processo – esclareceu Ronaldo.
Outro dado importante que também exigiu do juiz o máximo de cuidado ao formalizar a sua convicção acerca do crime cometido e da culpa dos acusados, é que dos 16 trechos das estradas para os quais foram liberados recursos públicos para pagamento de obras de recuperação, 15 trechos simplesmente não existem, daí o nome “estradas fantasmas”. Em face disso, não foi realizado nem exame pericial.
- Não pude fazer investigação in loco. Deslocar-me para onde, se o trecho que consta nos processos onde deveriam ter sido feitas as obras simplesmente não existem? – afirmou.
O único trecho de estrada que existe, segundo Ronaldo Maciel, é Jacaré/Saco do Boi, mesmo assim a obra foi paga, mas nunca realizada.
Convicção
João Cândido Dominici, cunhado, o ex-governador José Reinaldo Tavares, foi um dos condenados.
João Cândido Dominici, cunhado, o ex-governador José Reinaldo Tavares, foi um dos condenados.
Ronaldo Maciel afirma que o processo das estradas fantasmas foi o mais trabalhoso que conduziu nos seus 22 anos de carreira na Magistratura, debruçando-se dia após dias em cada uma das 13 mil páginas. Ele diz que a tensão foi muito maior do que quando presidiu o júri dos réus no processo do “crime organizado”, em 2002.
No processo das estradas, o juiz Ronaldo Maciel disse que não sofreu qualquer tipo de ameaça, pressão ou constrangimento, “mas carregava sobre os ombros o peso da responsabilidade de julgar dentro da lei, sem atender aos interesses de qualquer pessoa ou grupo político”, afirmou.
Depois que terminou de ler todo o processo, ele disse não ter a menor dúvida do grande crime que foi planejado e executado com a única finalidade de sangrar os cofres públicos do Estado.
Pobres e ricos 
Crime é crime e o fato de um ato delituoso ter sido cometido por um rico ou por um pobre não diferencia a forma como o juiz Ronaldo Maciel vai julgar o processo.
O problema, segundo o magistrado, é que a própria sociedade tende a abrandar a culpa quando o réu é alguém com dinheiro e muito bem posicionado na sociedade. A própria legislação penal é mais branda quando se trata da aplicabilidade da pena ao crime de corrupção, em comparação ao crime de roubo com uso de arma.
Ele usou como exemplo uma audiência realizada na manhã desta terça-feira (20), na 1ª Vara Criminal, em que figurava como réu no processo um jovem de 20 anos que roubou um celular com uso de uma faca. O jovem, usuário de crack, foi condenado a 6 anos e 4 meses de reclusão.
A pena prevista para roubo com uso de arma vai de 4 a 10 anos, enquanto que para os que praticam o crime de desvio de recursos públicos, de 2 a 12 anos.
Na avaliação de Ronaldo Maciel, a pequena criminalidade que a sociedade brasileira julga como sendo de alto potencial é executada por criminosos pobres, os quais são frutos dos crimes de corrupção, pois quando recurso público é desviado, escolas deixam de funcionar, a população carente fica sem hospitais e até mesmo sem estradas.
Segundo ele, as vítimas dos crimes de corrupção são mais numerosas e as consequências muito maiores do que quem teve um celular roubado. E o que é pior: as consequências se prolongam por várias gerações.
- Mas os criminosos ricos confiam na impunidade e a maioria fica mesmo impune – ressalta.
Ronaldo disse que basta fazer uma pesquisa no Complexo de Pedrinhas para constatar que não existe nenhum criminoso rico cumprindo pena, situação que não diverge muito do resto dos presídios do país.
- Crime praticado por pessoas de “colarinho branco” não é punido no Brasil – afirmou.
Neste contexto, enfatiza Ronaldo Maciel, aumenta a importância do Judiciário, que tem a responsabilidade de mudar a face deste país. “As mudanças que o Brasil precisa sofrer, a solução de muitos problemas, dentre os quais a punição indistinta para os crimes de corrupção, passa pelo Judiciário”.
Ronaldo destaca
Grupo de Zé Reinaldo foi o mais beneficiado com o desvio dos recursos
Grupo de Zé Reinaldo foi o mais beneficiado com o desvio dos recursos
que para as mudanças acontecerem, a sociedade precisa confiar mais no trabalho do juiz “e ninguém tem mais interesse em julgar um processo do que o próprio magistrado”.
Semana de valorização
A observação feita pelo juiz Ronaldo Maciel sobre a responsabilidade e a importância do trabalho do magistrado será um dos enfoques da Semana de Valorização da Magistratura, que será realizada de 26 a 29 de agosto.
Coordenada pela AMMA, a Semana consiste em várias atividades, dentre as quais palestras que serão proferidas por juízes em várias universidades de São Luís e em escolas de Imperatriz, enfocando aos estudantes como é o trabalho dos magistrados.
Durante o período será veiculado o vídeo institucional “Antes de Julgar, tem que conhecer”, mostrando a atuação de dois juízes em seu cotidiano, como forma de resgatar a imagem do magistrado, fazendo com que a sociedade conheça o seu trabalho.
COM INFORMAÇÃO DA AMMA, COM EDIÇÃO DO GI PORTAL

Polícia prende traficantes na cidade de Urbano Santos e São Benedito do Rio Preto


No dia 13, por volta das 21h00min ,a Polícia Militar  do  Destacamento de São Benedito do Rio Preto, sob o comando do   2º SGT PM Pedro e o CB Henrique Celso e com apoio do CB PM Martins e o SD PM Araújo,  efetuou a prisão de 02 traficantes,  JARDIEL ALVES DO NASCIMENTO,  de 26 anos, residente na Rua  José de Barros , no bairro cidade alta - São Benedito Rio Preto, com ele foi encontrado aproximadamente 40 gramas de maconha e 04 pedras de crack. Indagado sobre a origem da droga o mesmo respondeu que havia comprado na cidade de Urbano Santos de um elemento chamado “TACO”  onde o mesmo se propôs a levar a guarnição até o local que havia comprado a droga. A PM deslocou-se até a cidade de Urbano Santos mais precisamente no Bairro da Fazenda onde lá foi encontrado com o indivíduo de nome LEONARDO SANTOS PEREIRA, vulgo “TACO”,  de 37 anos de idade,  aproximadamente 90 gramas de MACONHA  e cerca de R$ 1.031,50 (MIL E TRINTA E UM REAIS E CINQUENTA CENTAVOS) em notas de dois, cinco, dez, vinte, cinquenta e cem reais e ainda algumas moedas de um real e ainda 03 celulares um tablet e uma bomba sapo, o mesmo revelou ainda que comprava a droga  de um elemento de nome CLEDÍLSON que fica no local chamado “TRÊS BOCAS” lá mesmo na cidade de Urbano Santos, para revender na sua residência.


Cobrador de loja morre em acidente de moto na cidade de Burití


Por: Blog do Foguinho, 21 de agosto de 2013.

No final da tarde de hoje, 21, por volta das 18:30, um jovem de aproximadamente 25 anos, morreu em um trágico acidente de moto na cidade de Burití.

As informações colhidas no local pelo PM Gláugio de Chapadinha, que passou minutos depois do acidente, informou ao Blog do Foguinho, que o jovem conhecido por “Raimundinho da Sapucáia”, que trabalha de cobrador das Lojas Casa Novas de Burití, bateu na traseira de um caminhão que estava estacionado na MA 034 no povoado Novo Oriente.

O caminhão estava estacionado ao lado da pista e o Jovem Raimundinho que estava de moto, bateu na traseira do carro, atingido o canto da carroceria e causando um grande corte no pescoço, o PM disse que o jovem depois do acidente ainda estava com vida, mas com a demora no socorro ele veio a óbto minutos depois.







Lascou! Justiça Federal notifica Prefeito de Brejo Dr. Omar, para comprovar diploma e mandato 2013.

Omar de Caldas Furtado Filho, Prefeito da cidade de Brejo.
Por: Blog do Foguinho, 21 de agosto de 2013.


O Diário Oficial do Maranhão publicou no dia 07 de agosto, que o Tribunal Regional Federal da 1ª região, notificou Omar de Caldas Furtado Filho, Prefeito da cidade de Brejo.


A Exma. Sra. Juiza DRA. LIVIANE KELLY SOARES VASCONCELOS, exarou:

Verifico a ausência de regularidade da representação em juízo (art. 12, II, do CPC). O município tem por representante legal seu prefeito, porém, no processo em epígrafe, o Sr. Omar de Caldas Furtado Filho não comprovou ter sido regularmente instituído em tal cargo público, já que deixou de juntar a ata de posse do mandato em voga, bem como o diploma de prefeito eleito. Dessa forma, intime-se a parte autora para sanar as irregularidades, no prazo de 10 dias, com a juntada dos documentos necessários a regular representação processual, sob pena de indeferimento da inicial. Após, retornem os autos conclusos.

Veja abaixo recorte do processo.


A Juíza encontrou irregularidades em que o Prefeito Omar não comprovou que ter sido regulamente instituído para o cargo público. Deixando de juntar a ata de posse do mandato em que está, e o diploma de Prefeito.

A Juíza vendo as irregularidades notificou o Prefeito para comprovar na Justiça Federal através do diploma e Ata de posse no prazo de 10 dias o sua legitimidades ao cargo de prefeito no município de Brejo-MA.

Clique Aqui para ver no Diário Oficial

Foto: Antenor Ferreira.

Manifestação: Soldados do exército são acusados de supostos estupros e promoverem orgias em Buriticupu-MA

BURIT DILMA77
Na manhã desta quarta feira (21) centenas de moradores do município de Buriticupu realizaram manifestação contra os soldados do exército que se encontram a trinta e dois dias na cidade. Ocorre que os soldados que deveriam garantir a segurança dos populares, segundo os moradores estão estuprando e abusando de menores.
Os soldados estão hospedados no IFMA de Buriticupu, o local possui uma piscina onde os homens do exército tomam banho de cueca sem se importar com a presença de alunas e alunos. São jovens e soldados já velhos que promovem orgias com as mulheres.
“Depois que esses homens chegaram aqui, a cidade não teve mais paz. Eles estupram crianças fazem orgias com menores, no IFMA cerca de 200 mulheres ficam entrando e saindo só fazendo sexo com eles” afirmou o advogado André Vasconcelos.
Segundo a população o abuso de poder por parte dos soldados é algo que causa repúdio.
Um aluno que estuda no IFMA Afirmou que eles não usam a piscina nem mesmo para atividades fiscais, porém os policiais a usam para farras.
A redação deste noticioso adquiriu com exclusividade o vídeo de um soldado estuprando uma criança de 14 anos, evangélica, dentro de uma serralheria. Ao perceberem que estavam sendo filmados cabos do exercito começaram a correr e outras crianças saíram do local. O juiz de Buriticupu, Ailton Gutemberg, presenciou o fato e chegou até mesmo a deixar a menor em sua residência.
Os moradores afirmam que a audácia dos soldados é tanta que chamam todas as mulheres do município de raparigas. ” Eles dizem que aqui não tem homens, afirmam que nunca viram tanta pu.. como em Buriticupu. É uma vergonha, é um escândalo, como eles andam sempre com armas em punho totalmente carregadas dizem que na cidade não tem homem, que somos covardes, safados e nos chamam até de bandos de cachorro de cornos sem vergonha” afirma Eduardo, morador de Buriticupu.

Os moradores estão vivendo com medo e sobre pressão, os assaltos continuam. Pontos de drogas continuam vendendo entorpecentes, os soldados se limitam apenas a interditar serralherias e abusar de menores e promover orgias.
“Eles saem pelas ruas só de sunga, mostrando o corpo sem camisa. Seduzem as mulheres aliciam as adolescentes e levam para o local onde estão hospedados” afirma.

Manifestação Contra o Exercito
Cansados de verem suas crianças serem estupradas, centenas de moradores do município foram as ruas protestar contra a forma como vem atuando o exército na cidade. A manifestação teve inicio as 9:00 da manhã desta quarta feira (21), os populares exibiam faixas com os seguintes dizeres: Dilma: venha ver o exército estuprando nossas crianças”, “Nossos filhos merecem respeito” e ” Não a pedofilia”.
Alunos da instituição onde os soldados estão hospedados, IFMA, também fizeram parte do movimento e exibiam faixas com as seguintes afirmações: “O IFMA não é cabaré” e “Chega de abuso sexual”.
Comerciantes de Buriticupu fecharam seus estabelecimentos e foram participar do movimento.

A BR 222 foi interditada pelos manifestantes, pneus e “toras” de madeira foram colocadas no fogo, um grande congestionamento foi formado em toda a rodovia.
Toda a manifestação ocorre de forma pacifica, soldados do exército se dirigiram para onde se encontrava os manifestantes na tentativa de sufocar o movimento e intimidar os participantes, porém foram forçados a recuar pela população. O Blog procurou o comandante da guarnição para falar sobre as acusações, mas o mesmo não foi encontrado. A manifestação continua e deverá se prolongar por todo o dia.


Polícia prende ladrão de "Pato" no Bairro Vila Brasil em Chapadinha

Joseildo da Silva e o Pato

Por: Blog do Foguinho, 21 de agosto de 2013.

O Serviço de inteligência da Polícia Militar que estava na manhã de hoje, 21, em operação no Bairro Vila Brasil, mas conhecido por” Invasão do Bind” em Chapadinha, se deparou com o jovem, Joseildo da Silva, que estava com um "Pato" nos braços próximo da propriedade do PM Loureiro, que tem uma grande criação de Galinhas e Patos na área.

Os homens do Serviço de Inteligência abordaram o jovem que estava com o Pato nas mãos e interrogaram, Joseildo afirmou ter roubado, pela primeira vez as criações do PM Loureiro.


Loureiro disse que ultimamente estava sumindo toda sua criação e não sabia quem era, mas agora o espertinho caiu na rede.

O PM recuperou o Pato e o ladrão ficou preso.


Prefeitura de Chapadinha já está pagando servidores da educação; PAsep 2012 também foi liberado

Quarta, 21 de agoto de 2013


A Prefeitura Municipal de Chapadinha realiza o pagamento dos salários dos servidores da educação referente ao mês de agosto, hoje (21). Também foi liberado o PASEP dos servidores municipais referentes ao exercício de 2012.


Os servidores podem se direcionar a agência do Banco do Brasil para sacar seus provimentos.

Política! Chapadinha tem 2 oposições e um governo de fortes aliados, saiba quem é quem



Por: Blog do Foguinho 21 de agosto de 2013.

A oposição em Chapadinha é definida em dois grupos, o Blog do Foguinho hoje vai informar como funciona esta tão chamada oposição e um Governo de fortes aliados.

Existe em Chapadinha a Oposição contra o Governo Oposição Partidária, saiba quem representa e o que fazem na política.

A Oposição contra o Governo é liderada por um grupo de políticos, jornalistas, vereadores e rádio local, que buscam maneiras de criticar, perguntar, interrogar e procurar várias maneiras de mostrar o lado errado de administrar no governo municipal, este grupo trabalha para ter um principal representante que ainda estão muito preocupados com o nome oficial.

A preocupação surge de um simples fato de buscarem um nome verdadeiramente político que posso cair no gosto do eleitor ou que tenha armas suficientes para encabeçar uma campanha para o cargo de Deputado Estadual nas eleições do próximo ano e trabalhar em um nome para Prefeito em 2016.

Os nomes da oposição contra o governo em Chapadinha estão relacionados há.

Mirante: Dean Frankilm, Alexandre Pinheiro e Léo Castro 



Vereadores: Samuel, Missecley, Eduardo Sá e Eduardo Braga



Partidários: Dr. Leví, Dr. José da Costa Almeida, Irmão Gomes.

Esse hoje é o grupo de formação que representa a oposição contra o governo, que surgiu de uma simples perda nas eleições municipais em 2012, que tinha como cabeça o Deputado Magno Bacelar, que hoje estão se sentindo abandonados e excluídos da política de Magno.

Esta oposição ao Governo não é tão forte politicamente, mas a união dos presentes fazem deles um grupo crescente que ainda estão engatinhando para chegar a um principal objetivo e colocam o Presidente da Câmara Nonato Baleco e Dr. Leví Pontes como os famosos cabeça de Chave para aliar partidários políticos.

Primeira derrota ou fortalecimento 
Presidente da Câmara Nonato Baleco e Dr. Leví Pontes

Na briga pela disputa, o grupo pode sofrer a primeira derrota, ou seja, nas eleições do ano que vem
 Leví e Baleco são pré-candidatos a Deputado Estadual pelo grupo que está formado, ficando uma grande brecha ou raxa entre os amigos, sendo que só pode um deles representá-lo ou com a união dos 2, ganharia força e fortalecimento.

Oposição Partidária


Oposição Partidária

Na oposição partidária, fica o Deputado Magno Bacelar e a ex-prefeita Danúbia Carneiro, que ainda são os grandes nomes para a sociedade Chapadinhense. Se enganam quem acha que Magno está morto politicamente, ele foi dono de 15 mil votos na eleição passada e temos quer saber que ele ainda sabe articular uma política local, com este possível raxa na oposição contra o governo, Magno fica olhando de camarote e de olho nas lideranças presentes.

Governo de Belezinha forte e também preocupante

O Governo da atual Prefeita Ducilene Pontes, hoje não é totalmente diferente, há brigas, confusões, políticas partidárias, e um grupo administrativo.

Belezinha hoje continua sendo a grande aposta da sociedade Chapadinhense, ele foi colocada no cargo de prefeita para representar toda população, claro que não se faz tudo da noite para o dia, mas também não se pode deixar tudo para a última hora.

Isaías e Prefeita Belezinha
Há dentro do grupo uma grande aliança com o ex-prefeito Isaías Fortes, que hoje tem familiares que representa as grandes secretarias, Tipo: Saúde, Educação e Administração, mas isso não significa que ele é dono de nada, uma secretaria pertence ao Governo Municipal que tem seus funcionários, sendo ele contrato ou concursados, mas para outros setores estas secretarias fazem do ex-prefeito um homem ainda mais forte na política local, mas até o momento a aliança entre Belezinha e Isaías está em clima de união e trabalho.

E Chapadinha é assim, com uma oposição contra o Governo, uma oposição calada de Magno Bacelar, que pretende agir no momento certo, e a união da Prefeita Belezinha com o grupo de Isaías Fortes, que hoje estão no comando municipal.

Potência Municipal e Regional

Mas a maior potência política atual hoje é "Belezinha", ela é Prefeita do Município de Chapadinha, com a maior população do Baixo Parnaíba e com o maior eleitorado da nossa Região.

Este texto não é tendencioso e sim uma realidade que passa na política local, não tem críticas para A ou B e tem os fatos do dia a dia em nossa Chapada das Mulatas. 

Vamos que vamos, escrito por mim: Blog do Foguinho.
https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Foguinho/217621605048826?ref=hl