E-mail: blogdofoguinho@hotmail.com Fone: (098) 99147-3880

domingo, 27 de setembro de 2015

Médico é detido e atuado por desobediência em Santa Quitéria MA

O médico  plantonista teria se recusado  a fazer  exame  cadavérico  em um detento  encontrado  morto em uma cela da delegacia  da cidade.


Delegacia de Santa Quitéria, onde o médico  foi detido 
Um médico plantonista, identificado como Eduardo Leitão de Almeida Lima, foi detido e autuado pela polícia por desobediência. Ele teria se recusado a fazer um exame cadavérico do detento Alcione Carvalho Almeida, que foi encontrado morto em uma das celas da delegacia de Santa Quitéria, na madrugada deste domingo. As informações foram passadas pelo delegado plantonista Sebastião Wagner Bezerra.

Segundo o delegado, após encontrar o corpo de Alcione Carvalho Almeida, que estava preso por tráfico de drogas desde o dia 19 de agosto em uma das celas da delegacia, o médico plantonista foi solicitado, pois não há legistas no município. Ele teria informado que acionaria o Instituto Médico Legal (IML), pois não era legista. Ao se negar a fazer o exame cadavérico, o plantonista foi autuado por desobediência. Um novo profissional foi chamado e emitiu o laudo da morte do detento, que se enforcou utilizando os punhos de uma rede. Ele estava sozinho na cela.             

Preso é encontrado morto dentro da delegacia em Santa-Quitéria.



Na manhã deste domingo, 27, o preso Alcione Carvalho de Almeida, 63 anos,  se suicidou dentro da cela na delegacia de Santa - quitéria. Ele foi encontrado com o corpo pendurado na cela.

Alcione cumpria pena por tráfico de drogas.

Ele morava no povoado Mamorana, zona rural de São Bernardo.

Médico é preso por se recusar a fazer o Exame Cadavérico. Ele tinha solicitado o IML de São Luis.

O motorista da ambulância, Reginaldo, informou ainda que, o médico Dr. Eduardo se recusou a fazer o exame cadavérico por achar a morte estranha e tinha solicitado o IML de São Luis. A Polícia Civil então chamou outro médico para realizar o exame cadavérico e o corpo foi liberado.

Após a liberação do corpo, o médico Dr. Eduardo da cidade de Chapadinha, foi conduzido pela Polícia até a delegacia para prestar esclarecimentos e até o momento o médico encontra-se preso na delegacia.

O hospital municipal está sem médico nesse momento e pacientes esperam na fila a espera de atendimento.



https://www.facebook.com/pages/Blog-do-Foguinho/217621605048826?ref=hl